Artigos

Reunimos aqui artigos e posts escritos pela Psicóloga Walkyria Drozd e outros autores sob os mais variados assuntos.

Os posts estão organizados por data de postagem tendo sua atualização frequente.

Para acompanhar as novidades, sigam-nos em nossas redes sociais:

  facebook.com/psicowalkyriadrozd
  instagram.com/psicowalkyriadrozd

Ver postagens mais recentes

Você pode ver as postagens mais recentes clicando no link abaixo:

Dica de Férias # 4⠀


Aproveite os espaços públicos de lazer! ⠀
⠀
Você pode aproveitar para explorar espaços que estão a disposição de vocês, para brincadeiras ao ar livre.⠀

Aproveite as áreas de lazer, caso você more em prédio, faça atividades com ele nesses espaços ou leve-o a alguma praça ou parque na vizinhança.⠀
⠀
Estimule seu filho a brincar livremente, mas sempre com supervisão.⠀

LINK PARA ESSE POST
(Abra e compartilhe essa postagem com amigos) 

30/Dez/2019

Dica de Férias # 3⠀

Cozinhe com seus filhos! ⠀
⠀
Crie um momento para cozinharem juntos, mesmo que não seja o seu forte, isso não importa.⠀
Você pode envolver seus filhos nessa atividade e mesmo que o resultado não seja ótimo, será um momento para se divertirem juntos e você incluí-los nas atividades da casa. ⠀
Pode pedir para que seus filhos pesquisem receitas na internet ou em livros também, aproveitar para ir ao supermercado juntos...⠀
No Supermercado, dê tarefas a eles em forma de jogos ou gincanas! Envolva-os na busca dos produtos. ⠀
Ao preparar a receita não se importe com a bagunça ou com a sujeira, isso também faz parte!!!⠀
Entregue-se como em uma brincadeira!!!⠀

LINK PARA ESSE POST
(Abra e compartilhe essa postagem com amigos) 

27/Dez/2019

Festas de Final de Ano

O final do ano, momento brindado com os festejos de Natal e a noite de ano novo, é um período que desperta sentimentos mistos. Ao mesmo tempo em que ficamos felizes pelo atmosfera que somos envolvidos, também podemos⠀
sentir uma grande melancolia decorrente de vivências passadas, perdas ou do estresse que datas como o natal ou ano novo proporcionam.⠀
⠀
É nessa época que ficamos mais reflexivos, que fazemos um levantamento de nossas conquistas ao longo dos meses. Esse processo poderá despertar contato com algumas frustrações, já que paramos para refletir sobre alguns planos não atingidos.⠀
⠀
A capacidade de lidar com as frustrações e dificuldades conta muito nestas situações, mas muitas pessoas também se fragilizam e adoecem nesse período exatamente por não suportar a pressão, interna e externa, que aponta para felicidade, sucesso e realizações.⠀
⠀
É momento de tentar superar o passado, ponderar sim os aspectos positivos e negativos de nossas vidas. É possível acreditar que o ano que está por vir será melhor, mas dependerá de suas ações hoje. É importante estar disposto a se olhar, se auto analisar, alterando comportamentos prejudiciais e respeitar nosso próprio tempo ao fazer isto.⠀
⠀
Desejo a todos um feliz Natal e um Ano Novo cheio de conquistas, mudanças e transformações.⠀
⠀
Que assim como afirma Freud, o passado existe para ser ultrapassado.⠀
⠀
ABRAÇOS A TODOS QUE ME ACOMPANHAM POR AQUI E ATÉ 2020, COM MUITO MAIS NOVIDADES.⠀
WALKYRIA DROZD

LINK PARA ESSE POST
(Abra e compartilhe essa postagem com amigos) 

24/Dez/2019

Dica de Férias # 2⠀


Construa brinquedos (e experiências) com seus filhos!⠀
⠀
Você pode mostrar para seus filhos como é divertido brincar de construir brinquedos.⠀
⠀
Aproveite para fazer uma casinha ou até mesmo uma nave espacial de caixa de papelão, confeccionar uma pipa ou papagaio, um carrinho e até onde a criatividade e imaginação permitir. 

LINK PARA ESSE POST
(Abra e compartilhe essa postagem com amigos) 

24/Dez/2019

Férias dos filhos: momento de preocupações ou de prazer?⠀

As férias das crianças chegaram e com isso muitos pais ficam apreensivos pensando no que podem fazer com os filhos durante esse tempo. Muitos não dispõem de casa de parentes, avós ou colônia de férias para auxiliar nos cuidados nesse período.⠀
Pensando nisso, vamos fazer uma série de postagens com algumas sugestões para vocês “pais”, que precisam conciliar uma rotina muitas vezes bem apertada com os cuidados dos filhos, é só ir acompanhando por aqui! ⠀
⠀
E cuidado !!! Não fale sobre as férias do seus filhos com eles ou com outras pessoas como um período difícil, cansativo, como algo pesado pelo qual você tem que passar. Você está falando de um tempo que vocês podem aproveitar e curtirem juntos. ⠀
Por mais difícil que seja conciliar sua rotina apertada com o tempo de sobra que seus filhos tem nas férias, não demonstre isso a eles e tente não pensar dessa forma. ⠀
Esse tempo pode ser visto por você, como um período de construção e fortalecimento do relacionamento entre vocês. ⠀
Lembre-se que eles irão crescer em breve, e as férias serão cheias de atividades que não incluirão você.⠀
Aproveite o tempo com seus filhos!!!!⠀

LINK PARA ESSE POST
(Abra e compartilhe essa postagem com amigos) 

30/Dez/2019

Consumo consciente

As festas chegaram, o fim do ano chegou e com ele os compromissos que envolvem as celebrações do ano novo e outras festas.⠀
A correria, estímulos publicitários e pressões sociais, muitas vezes reforçam o consumo nesse período, que podem vir na forma de compras de muitos itens e presentes sem necessidade. Portanto, em meio às necessidades que envolvem essas datas, é fundamental refletirmos sobre como é possível ter um final de ano mais consciente, e se essas “necessidades” são mesmo tão necessárias assim. ⠀
Será que passamos valores humanos para as nossas crianças ao comemorar o Natal, em que o presente é o mais importante da festa e as cartas endereçadas ao papai Noel, trazem lista de brinquedos eletrônicos, objetos de desejo de nossas crianças desde cedo?⠀
Talvez esse seja um grande desafio da contemporaneidade, consumir de forma mais consciente e crítica, principalmente em épocas como o Natal, quando somos atravessados e impelidos a consumir em excesso. ⠀
O consumo faz parte de nosso cotidiano, não podemos negar, contudo podemos fazê-lo de forma mais consciente. ⠀
⠀
E assim podemos refletir: Que valores estamos transmitindo as nossas crianças?⠀
⠀
Você pode marcar essa época do ano com significados que vão além dos aspectos materiais. ⠀
⠀
Lembre-se, o que nutre a vida de satisfação são as emoções, as idéias e as experiências!!!! Aproveite-as!⠀

LINK PARA ESSE POST
(Abra e compartilhe essa postagem com amigos) 

18/Dez/2019

Educar uma tarefa árdua e difícil

A missão que nós pais temos de educar nossos filhos, passou longe de ser uma tarefa fácil. Por isso, que ouço com frequência de muitos pais “pode apresentar-se simples na teoria, mas na prática não se faz nada simples”, isso porque há envolvimento de aspectos emocionais/internos dos pais.⠀
⠀
Educar um filho é uma tarefa difícil, sim! Não desanime, não se sinta incapaz, não é uma receitinha que isso seja fácil. Não tente ser perfeito, mas tente ser melhor. Não há quem eduque sem errar !⠀
⠀
Com isso, entenda que é difícil mesmo, não hesite em procurar ajuda, não é vergonha, não é demérito nenhum, não tem problema.⠀
⠀
Educar é uma tarefa muito importante. É importante admitir quando estamos com dificuldades e rever nossas condutas. É necessário reconhecer quando estamos com dificuldades. Afinal, não é isso que queremos ensinar aos nossos filhos? Que sejam capazes de perceber suas próprias dificuldades e mudar suas condutas? E como agimos frente as nossas próprias dificuldades?⠀
⠀
Você pode não extinguir os problemas, mas pode minimizar os problemas lá na frente. ⠀
Cuidado, não fique preso as suas convicções!

LINK PARA ESSE POST
(Abra e compartilhe essa postagem com amigos) 

17/Dez/2019

Mudanças - Que venha 2020!!!

Mudanças - Que venha 2020!!! Depois vou compartilhar as melhorias 😉 "Não existe evolução sem mudanças"

LINK PARA ESSE POST
(Abra e compartilhe essa postagem com amigos) 

14/Dez/2019

Autoestima

No dia a dia, pequenas ações, quando em excesso, podem ir diminuindo aos poucos nossa autovalorização.⠀
⠀
Quando você ignora suas necessidades e desejos, vivendo em função de opiniões de quem está a sua volta e colocar-se em segundo plano são algumas das atitudes que nos prejudicam na construção de quem somos. ⠀
⠀
A atenção que damos a aspectos simples de nossa rotina, como o cuidado que temos com nosso cabelo, pele e vestimentas é de extrema importância, pelo contrário do que muitos podem pensar. São nas pequenas ações que o autocuidado se inicia, tendo como consequência o aumento da autoestima. ⠀
⠀
Dar atenção para si é mostrar que você é digno de seu tempo e merece o bem estar. Contudo, o autocuidado não se resume a aspectos do corpo. Na realidade, a mente assume o papel principal quando falamos sobre essa questão. A autoanálise é importante para que haja consciência sobre os limites, qualidades e dificuldades inerentes à nossa personalidade. ⠀
⠀
Proponho aqui um desafio… Tente responder essas questões !⠀
• O que lhe motiva?⠀
• Você está descansando o suficiente no dia a dia?⠀
• Está feliz com a vida que leva?⠀
⠀
Esses questionamentos podem lhe ajudar em uma jornada de autoconhecimento para que possa tomar medidas que defendam a sua felicidade. ⠀
Lembre-se “só amando a si mesmo é possível amar ao outro”.⠀
O amor-próprio é conhecer-se, respeitar-se, cuidar-se, responsabilizar-se e compreender-se !!!

LINK PARA ESSE POST
(Abra e compartilhe essa postagem com amigos) 

09/Dez/2019

Separação - Crianças são sucetíveis a ficar tristes e deprimidas

Crianças são muito sucetíveis a mudanças no núcleo familiar. Fazê-las entender a situação, com muita paciência e conversa, ajuda a lidar com a insegurança e medo que podem surgir.

Os pais precisam resistir devido aos fortes sentimentos de conexão com os filhos, que podem protegê-los sempre da dor e do desapontamento. Vivenciar a frustração desde cedo, por mais que não goste disso, é uma parte essencial da vida.

Os pais tem entender que a criança irá viver situações de frustrações, e isso ajudará a desenvolver recursos necessários para que supere outros desafios que a vida irá lhe apresentar.

A criança que sabe que é amada, que é feliz em seu ambiente, que diferencia as limitações da sua vida e as aceita, é uma criança plena.

LINK PARA ESSE POST
(Abra e compartilhe essa postagem com amigos) 

07/Dez/2019

Filhos perfeitos, crianças tristes !

Os filhos perfeitos temem cometer erros e nunca alcançam as elevadas expectativas que os pais têm. A sua educação não esta baseada na liberdade, nem no reconhecimento, e sim na autoridade de uma voz rígida e exigente. ⠀
⠀
De acordo com a APA (American Psychological Association), a depressão nos adolescentes já é um problema muito grave na atualidade, e uma exigência desmedida por parte dos pais pode derivar facilmente na falta de autoestima, ansiedade e um elevado mal-estar emocional. ⠀
⠀
É preciso ter clareza que, essa exigência na infância deixa a sua marca irreversível no cérebro adulto: a pessoa nunca se achará suficientemente competente, nem perfeita com base naqueles ideais que lhe foram incutidos. É preciso eliminar esse vínculo limitante que impede a nossa capacidade de sermos felizes. ⠀
⠀
Precisamos considerar que é necessário exigirmos dos nossos filhos, mas tudo tem limites. Educar é exercer a autoridade, mas com bom senso. É ter uma boa comunicação e uma boa dose de afeto.

LINK PARA ESSE POST
(Abra e compartilhe essa postagem com amigos) 

27/Nov/2019

Sintonia dos pais no processo de criação dos filhos ⠀

As expectativas dos pais são diferentes ao educar um filho. ⠀
⠀
Os pais tem histórias de vida diferentes, e é claro que isso influenciará diretamente no processo educativo. ⠀
Os olhares, na verdade não precisam ser iguais e nunca serão, as expectativas geram muitos desconfortos também. Por isso é necessário que os pais se alinhem ao pensar sobre a educação da criança. ⠀
⠀
A diversidade é importante para os filhos, cada pessoa é diferente e os filhos se descobrem na diferença. Contudo, é muito importante sintonia entre os pais na educação. ⠀
Os objetivos precisam ser alinhados para que as crianças sejam bem direcionadas. ⠀
⠀
Os pais precisam se sentir potentes na sua função de pai/mãe. As responsabilidades não devem ser transferidas para outros. Você é o adulto responsável pela educação. ⠀
A educação é um processo e precisa de constantes ajustes. 

LINK PARA ESSE POST
(Abra e compartilhe essa postagem com amigos) 

20/Nov/2019

Construindo a Autonomia nas Crianças

Dar afeto é:

• Dedicar seu tempo e sua verdadeira atenção a seu filho e aquilo que é importante para ele, e não para você.
• Respeitar seu filho em sua individualidade. Escutá-lo !
• Ter e demonstrar carinho pelo filho. • Tocar seu filho, embora não excessivamente.

Essas atitudes são importantes para que a criança se sinta verdadeiramente amada, querida e respeitada. Assim, sua autoestima se fortalecerá. 

LINK PARA ESSE POST
(Abra e compartilhe essa postagem com amigos) 

20/Nov/2019

O psicólogo não tira ninguém do buraco... 

O psicólogo não tira ninguém do buraco...
Ele precisa fazer você entender quais passos te levaram até lá e quais passos precisa dar pra sair!
... mas a caminhada é sua!

Você sabe como um Psicólogo pode te ajudar?

Ele pode ajudá-lo a compreender seus comportamentos, a orientar você sobre suas dificuldades emocionais e lhe ajudar a encontrar o equilíbrio entre a razão e a emoção.
Precisa de ajuda? Entre em contato: 📱11 98959-1949
💻 walkyria_drozd@msn.com
📍Rua José dos Reis, 719
Sala 10 (2º andar)
Vila Prudente - São Paulo 

LINK PARA ESSE POST
(Abra e compartilhe essa postagem com amigos) 

06/Nov/2019

Feridas emocionais - “Cuidando de si para cuidar das crianças”⠀

Na infância as vivências são sentidas intensamente, as marcas dos problemas é que determinarão, muitas vezes, como será a qualidade de vida quando adultos. ⠀

É a partir de feridas emocionais marcadas nessa fase do desenvolvimento, que levará o adulto a interpretar tudo o que lhe acontecer ao seu redor através do filtro dessa ferida. Se houve uma rejeição por parte dos progenitores ou um deles, isso marcará significativamente, como uma ferida que não será vista, mas pode se alojar profundamente na alma e conviver por toda a vida. ⠀

É comum que, diante da experiência de rejeição, a pessoa começa a criar uma máscara para proteger-se desse sentimento, que está ligado à desvalorização de si mesmo. ⠀

O nosso mundo psíquico é construído a partir das vivências infantis, determinando a forma que o adulto enxergará o mundo. ⠀

Podemos observar se a criança internaliza que tem valor, que o mundo não a agride, que é acolhida e amada… levará isso adiante e construirá uma percepção positiva de mundo. ⠀
⠀
Como nós pais estamos contribuindo com esse processo nos nossos filhos?⠀
Você tem curado suas feridas emocionais e procurado viver de forma mais plena?⠀
⠀
Essas reflexões são muito importantes no processo educativo das crianças, afinal, é difícil dar aquilo que não se teve.⠀
Pais e mães mais saudáveis emocionalmente, filhos mais fortes! ⠀

LINK PARA ESSE POST
(Abra e compartilhe essa postagem com amigos) 

06/Nov/2019

Bater ensina?⠀

• A criança aprende a ter medo do mais forte.⠀
• Aprende a possibilidade para resolver seus conflitos com violência, é assim que entende como os conflitos são resolvidos em casa.⠀
• A criança entende que é melhor bater do que dialogar.⠀
⠀
É muito confuso para a criança entender que o recurso usado pelos pais para ter controle é um descontrole.⠀

A criança se assusta, ela tem medo.

E é isso que faz com que ela pare aquela ação. A noção de aprendizado da criança vem junto com aprender que toda a ação tem uma consequência, ou seja, todo ato gera um resultado. ⠀

Educar uma criança exige persistência, sensatez e coerência.⠀

É sim uma tarefa árdua, mas não desista! Seu filho precisa de você!

LINK PARA ESSE POST
(Abra e compartilhe essa postagem com amigos) 

01/Nov/2019

Medos na infância⠀

Vamos conhecer um pouco dos medos comuns na primeira infância.⠀
É possível observar que existem alguns medos mais frequentes em cada etapa do desenvolvimento infantil. ⠀
⠀
Os medos que são mais comuns, normalmente são de curta duração e evoluem de forma positiva, de acordo com o desenvolvimento das habilidades das crianças para lidar com eles.⠀
⠀
Você sabe quais são os temores mais comuns?⠀

• Antes dos 2 anos: Barulhos intensos, pessoas estranhas, visitas ao pediatra.⠀
• Dos 2 aos 4 anos: Ser esquecido pelos pais, escuro, animais, pessoas fantasiadas.⠀
• Dos 4 aos 6 anos: Ladrão, de trovão, de se perder dos pais, monstros e fantasmas.⠀
• Dos 6 aos 7 anos: Medo de criaturas fantasiosas, fantasmas, chuvas fortes, de ficar sozinhos e que algo ruim aconteça aos pais.⠀
⠀
Lembrem-se os medos tem um papel adaptativo na medida que nos protege de possíveis ameaças e riscos à nossa sobrevivência. ⠀

LINK PARA ESSE POST
(Abra e compartilhe essa postagem com amigos) 

26/Out/2019

Outubro Rosa - O amor começa com você

Você sabia que “amar a si mesmo é primordial para administrar os próprios problemas e conflitos emocionais”.⠀
⠀
Nesse mês de campanha, sobre a importância das mulheres se conscientizarem acerca da prevenção e do diagnóstico do câncer de mama e também da desmistificação da doença, quero aproveitar e estender o assunto sobre o autocuidado. ⠀

A mulher hoje assume diversos papéis, é mãe, esposa, se encarrega da maior parte das tarefas domésticas e cuidados com os filhos, é profissional entre outros diversos cuidados que assume também. Apesar de todas as funções que a mulher acumula no dia a dia, é extremamente necessário que a mulher tenha um tempo para cuidar de si própria. ⠀

Ter esse tempo para si, é entender que isso é necessário para reequilibrar-se entre as tantas atividades, é um bom sinal de autoestima. ⠀

Fato é que, mulheres com autoestima são mais produtivas e felizes, mas depende exclusivamente dela alcançar esse equilíbrio. É preciso ter a sensibilidade de buscar o investimento da segurança emocional. Em alguns casos, os amigos e a família são um meio de ajuda, mas em outras situações, o acompanhamento psicológico é o caminho para garantir a qualidade de vida. ⠀
⠀
As mulheres precisam se cuidar mais, não apenas um cuidado relacionado ao aspecto físico, mas de modo geral. O autocuidado é amar-se para conquistar a autoestima e preservá-la, junto com o autoconhecimento, a automotivação e a autoconfiança. ⠀
⠀
Quem ama a si mesmo tem saúde mental e mais amor para dar. ⠀
⠀
Cuide-se !!!!! ⠀

LINK PARA ESSE POST
(Abra e compartilhe essa postagem com amigos) 

25/Out/2019

Ela é uma ótima mãe... O que ela não faz pelos filhos...
Você está fazendo isso certo? 

Você já ouviu essa frase? ⠀
Crescemos acreditando que boas mães “fazem” tudo por seus filhos. ⠀
Será que estamos sendo aquelas mães que “fazem” tudo por eles, e até “pensam” por eles???⠀
⠀
Qual o Resultado? ⠀
- Dependência⠀
- Pouca autonomia⠀
- Baixa colaboração⠀
- Pouco senso de responsabilidade…⠀
⠀
Se queremos ajudar as nossas crianças a ver-se como seres autônomos, responsáveis e pessoas competentes, precisamos mudar nossas atitudes já! ⠀
É preciso delegar às crianças as responsabilidades que são delas.⠀
É necessário incentivar o senso de responsabilidade desde pequenos.⠀
É encorajá-los a autonomia desde sempre. ⠀
Tudo isso é um processo, e que inicia na infância !!!⠀
⠀
Essas atitudes são importantes para que a criança se sinta verdadeiramente amada, querida e respeitada.⠀
Assim, sua autoestima se fortalecerá. ⠀
⠀
Conhece alguma mãe que "faz" e "pensa" pelo seus filhos?

LINK PARA ESSE POST
(Abra e compartilhe essa postagem com amigos) 

22/Out/2019

Construindo a autonomia nas crianças

Como vocês “pais” tem incentivado a autonomia nas crianças?⠀
⠀
As crianças são dependentes dos adultos, mas quando uma pessoa é continuamente dependente da outra, surgem certos sentimentos.⠀
⠀
Pessoas que estão em posição de dependência, juntamente com uma pequena dose de gratidão, em geral experienciam pesados sentimentos de abandono, inutilidade, ressentimento, frustração e raiva. Além disso, a dependência deles pode levar à hostilidade.⠀
⠀
Você sabe que existe maneiras de minimizar esses sentimentos de dependência em nossas crianças?⠀
Existem sim, maneiras de ajudá-los a se tornar seres humanos responsáveis que possam agir por si sós. As oportunidades de encorajar a autonomia de nossos filhos se apresentam todos os dias. ⠀
⠀
Aqui estão algumas habilidades específicas que podem ajudá-los a confiar em si mesmos mais do que em nós. ⠀
⠀
Para incentivar a autonomia:⠀ • Deixe seu filho fazer suas escolhas;⠀ • Demonstre respeito pelo esforço da criança;⠀ • Não faça muitas perguntas;⠀ • Não se apresse em dar respostas;⠀ • Incentive as crianças a procurar respostas fora de casa;⠀ • Não lhes tire as esperanças. ⠀

Essas atitudes são importantes para que a criança se sinta verdadeiramente amada, querida e respeitada. Assim, sua autoestima se fortalecerá. ⠀

LINK PARA ESSE POST
(Abra e compartilhe essa postagem com amigos) 

22/Out/2019

Regras e Limites - Criança Feliz não é criança mimada

Criança feliz não é uma criança mimada!!! As crianças precisam saber seus limites, o que podem e o que não podem. Entender que o mundo funciona com regras, por isso, elas precisam ser claras, sendo assim, se sentiram muito mais seguras e felizes. É claro que, a colocação de limites não precisa ser dramática ou traumática, mas falaremos disso num outro momento.

A criança que sabe que é amada, que é feliz em seu ambiente familiar, que diferencia as limitações da sua vida e as aceita é uma criança plena.

Nós pais, precisamos resistir devido aos nossos fortes sentimentos de conexão com nossos filhos, que vamos protegê-los sempre da dor e do desapontamento. Vivenciar a frustração desde cedo, por mais que não gostemos disso, ou queremos proteger nossos filhos, é uma parte essencial da vida. Possibilitar a criança viver situações de frustrações, a ajudará a desenvolver recursos necessários para superar outros desafios que a vida lhe apresentar.

Contribuir para que a criança seja feliz, depende muitos menos de bens materiais #ficaadica

Conhece algum adulto que possa beneficiar uma criança com esse conteúdo?

LINK PARA ESSE POST
(Abra e compartilhe essa postagem com amigos) 

22/Out/2019

Educar uma tarefa árdua e difícil


“O educador é peça-chave. Ele transmitirá os valores, as motivações, as estratégias. Ajudará a interpretar a vida. Nós, educadores, estamos mais em jogo do que a criança e jovens.
Se não formos capazes de ensinar, será impossível aprender".

Feuerstein, 1994

Nossa homenagem a todos os professores!

LINK PARA ESSE POST
(Abra e compartilhe essa postagem com amigos) 

15/Out/2019

Educar uma tarefa árdua e difícil

A Educação Emocional é super importante no desenvolvimento das crianças.
A falta de entendimento e controle das emoções pode levar a quadros de agressividade, mudança de comportamente e não saber lidar com limites.

Nós pais, precisamos resistir devido aos nossos fortes sentimentos de conexão com nossos filhos, que vamos protegê-los sempre da dor e do desapontamento. Vivenciar a frustração desde cedo, por mais que não gostemos disso, ou queremos proteger nossos filhos, é uma parte essencial da vida. Possibilitar a criança viver situações de frustrações, a ajudará a desenvolver recursos necessários para superar outros desafios que a vida lhe apresentar.

As crianças precisam saber seus limites, o que podem e o que não podem. Entender que o mundo funciona com regras, por isso, elas precisam ser claras, sendo assim, se sentiram muito mais seguras e felizes. É claro porém que a colocação de limites não precisa ser dramática ou traumática. A criança que sabe que é amada, que é feliz em seu ambiente familiar, que diferencia as limitações da sua vida e as aceita é uma criança plena.

Contribuir para que a criança seja feliz, depende muitos menos de bens materiais #ficaadica

LINK PARA ESSE POST
(Abra e compartilhe essa postagem com amigos) 

15/Out/2019

Qual o seu maior Projeto de Vida?

Você já pensou em realizar algum projeto, sonhou em realizar algo, teve metas enfim, e se deparou pensando em qual é seu maior projeto de vida?
Você que é mãe e pai consegue perceber a nobre função que vocês tem? Conseguem entender que o maior projeto de suas vidas é a linda missão de formar um cidadão para este mundo?

Já se perguntou como gostaria que ele fosse no futuro? Quais qualidades gostaria que tivesse ou que valores gostaria que levasse para a vida? Tudo isso dependerá de suas ações hoje!

É claro, precisamos parar de pensar em nossos filhos como pequenas cópias de nós mesmos ou extensões nossas, e sim como seres humanos únicos com diferentes temperamentos, diferentes gostos, diferentes sentimentos, diferentes desejos, diferentes sonhos.

Muitos livros de educação infantil reforçam a idéia que o objetivo fundamental dos pais é ajudar os filhos a se separar, ajudá-los a tornar-se indivíduos independentes, para que um dia sejam capazes de agir sozinhos, sem a presença dos pais.
Como fazer então?

Como pais podem ajudar seus filhos a separar-se e se tornarem pessoas independentes?
Desenvolvendo a Autonomia das crianças! Isso se faz através de ações simples no dia-a-dia.

Logo mais dicas a vocês, papais e mamães sobre a construção da autonomia nas crianças.

LINK PARA ESSE POST
(Abra e compartilhe essa postagem com amigos) 

11/Out/2019

Tecnologia. Aliada ou vilã?

As tecnologias em tempos modernos, aliadas ou vilãs para nossas crianças e adolescentes?⠀
⠀
O uso dessas tecnologias impactam na saúde de crianças e adolescentes em vários aspectos.⠀
Inserir hábitos saudáveis nos primeiros anos de vida gera impacto não só no desenvolvimento motor e cognitivo da criança, mas em sua saúde ao longo da vida. ⠀
⠀
Já sabemos hoje, que o uso da tecnologia influencia no desenvolvimento físico, mental e social da criança. Portanto, papais e mamães precisamos ter clareza desses impactos na saúde integral de nossas crianças e adolescentes, assim ajudá-los a compreender a função educativa e recreativa da tecnologia. ⠀
⠀
Atenção!!!⠀
⠀
Tecnologia em excesso é prejudicial às crianças!⠀
⠀
As crianças menores de dois anos devem ficar longe das telas, de acordo com as orientações da Organização Mundial da Saúde. ⠀
⠀
É necessário equilibrar a quantidade e a qualidade das horas que os pequenos passam diante de tablets, celulares e companhia. O acompanhamento e mediação dos pais é extremamente necessária. ⠀
⠀
A atenção dos pais não pode ser substituída nunca por esses recursos, então, mesmo que você não consiga dar a quantidade de tempo que gostaria de dar a ele, dê mesmo que menos mas com qualidade, dê sua verdadeira atenção. ⠀

LINK PARA ESSE POST
(Abra e compartilhe essa postagem com amigos)  

09/Out/2019

Regras e Limites - Criança Feliz não é criança mimada

Você sabe o que acontece quando não se dá limites?
A criança que não recebe limites:
• Sente medo
• Fica onipotente
• Tem culpa excessiva
• Sente desamparo
• Tem ansiedade
• Não suporta frustração
• Acha que seus desejos valem mais do que os dos outros
• A criança pensa que o mundo está lá para lhe servir
• Distúrbios de comportamento

Os limites são fundamentais, sem eles não há vida social adequada. Portanto, essa responsabilidade é dos pais e não pode ser delegada!

LINK PARA ESSE POST
(Abra e compartilhe essa postagem com amigos) 

06/Out/2019

Não lhes tire as esperanças

Ao invés de tirar as esperanças das crianças, incentive-as a perseguir objetivos e sonhos e a experimentar novas situações, pois são experiências enriquecedoras! 

Referência: FABER, A. ; MAZLISH, E. Como falar para seu filho ouvir e como ouvir para seu filho falar. 3 ed. São Paulo: Summus, 2003.

LINK PARA ESSE POST
(Abra e compartilhe essa postagem com amigos) 

        

01/Out/2019

Incentive as crianças a procurar respostas fora de casa

É importante que nossos filhos saibam que não dependem totalmente de nós. O mundo la fora – o dentista, o médico, a professora, uma criança mais velha, todos podem contribuir com a criança na busca de soluções.
Fiquem ligados em mais dicas sobre comportamento infantil aqui

Referência: FABER, A. ; MAZLISH, E. Como falar para seu filho ouvir e como ouvir para seu filho falar. 3 ed. São Paulo: Summus, 2003.

LINK PARA ESSE POST
(Abra e compartilhe essa postagem com amigos) 

     

29/Set/2019

Não se apresse em dar as respostas. 

Quando fazem perguntas, as crianças precisam ter a chance de explorar suas próprias respostas.⁣⁣
⁣⁣
Referência: FABER, A. ; MAZLISH, E. Como falar para seu filho ouvir e como ouvir para seu filho falar. 3 ed. São Paulo: Summus, 2003.

LINK PARA ESSE POST
(Abra e compartilhe essa postagem com amigos) 

     

28/Set/2019

Evite fazer muitas perguntas. 


Muitas perguntas podem ser percebidas como invasão à privacidade. As crianças falarão o que quiserem e quando tiverem vontade.

Referência: FABER, A. ; MAZLISH, E. Como falar para seu filho ouvir e como ouvir para seu filho falar. 3 ed. São Paulo: Summus, 2003.

LINK PARA ESSE POST
(Abra e compartilhe essa postagem com amigos) 

     

27/Set/2019

Você sabia que a família é um fator protetivo na vida do adolescente?

Mas não basta ter família, é nessário estar junto, dedicar atenção, ter tempo para dar uma “real e verdadeira atenção”. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ ⠀⠀⠀
Vamos ficar atentos aos sinais, aquilo que a pessoa fala ou faz que indique desejo de morrer, ou seja, fique atento às frases de alerta acima, associados aos sentimentos de depressão, desesperança, desamparo e desespero. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ ⠀
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Busque ajuda especilizada caso você conheça algum jovem nessa condição. ⠀⠀⠀⠀
⠀⠀⠀⠀⠀ ⠀
Não acredite que o tempo resolve todas as coisas, poderá ser tarde demais !!

LINK PARA ESSE POST
(Abra e compartilhe essa postagem com amigos) 

26/Set/2019

Saúde de crianças na Era Digital

Crianças com menos de 2 anos devem ficar longe das telas;
As crianças com 2 anos ou mais, podem assitir TV por até uma hora por dia.
O ideal é trocar as telas por atividades como leitura, brincadeiras ao ar livre entre outras, que são muito mais benéficas para nossas crianças.
Brincar mais, dormir melhor e passar menos tempo em contato com as telas, como televisão, tablet e celulares, são recomendações de um guia inédito lançado pela Organização Mundial de Saúde (OMS). (Fonte: OMS)

Atenção papais e mamães!!! Vamos cuidar da saúde dos nossos pequenos. Sabemos o quanto é difícil no dia a dia, mas não use esses recursos para substituir sua atenção, que é extremamente importante nessa fase do desenvolvimento. 

LINK PARA ESSE POST
(Abra e compartilhe essa postagem com amigos) 

25/Set/2019

Suicídio na Adolescência

Aproveitando ainda o mês de “Campanha de Prevenção ao Suicídio, é importante que vocês pais e mães conheçam alguns fatores de risco.

Lembrando que a “Adolescência” é uma fase da vida de muitas mudanças, físicas, emocionais e sociais. Portanto, é muito importante que a família esteja próximo, mas sem invandir o espaço do adolescente.

Esse limite é bem delicado muitas vezes, contudo, o adolescente nessa fase está num processo de aquisição maior de autonomia, mas continua precisando de limites e cuidado da família.

Os fatores de risco podems ser:
• Brigas ou problemas dos pais;
• Não ser escutado (a);
• Sentir-se invadido;
• Solidão;
• Traição de amigos, namorados;
• Sentimento de desproteção;
• Questões financeiras.

Consequências possíveis:
• Suicídio;
• Depressão, prolongamento da tristeza;
• Isolamento;
• Auto-agressão.
(Fonte: Benincasa e Rezende)

Se você percebe dificuldade na criança ou adolescente há algum tempo e seus esforços não estão conseguindo ajudá-la, saiba que os profissionais conseguem! Vocês não precisam fazer isso sozinhos, procurem ajuda. 

LINK PARA ESSE POST
(Abra e compartilhe essa postagem com amigos) 

23/Set/2019

Seu Filho é Feliz?

A criança feliz aprende a dar importância às prioridades da vida, como a família, a amizade, o amor, o altruísmo, os valores e a ética. Assim, ela estará menos desorientada, desenvolverá mais cedo sua capacidade de discernimento e evitará cair em comportamentos de risco.
É notório que uma criança feliz terá uma existência mais plena e completa. Mas lembre-se, que isso não quer dizer excesso de mimo, liberdade sem limites e apego pelas coisas materiais, pois esse é um erro que poderá criar comportamentos tirânicos e dependentes. Deixe simplesmente que a criança seja ela mesma num ambiente emocional de carinho e compreensão.
Vejam algumas características de uma criança feliz:
• Uma criança feliz tem melhor caráter.
• Uma criança feliz é mais positiva.
• A criança feliz é mais receptiva.
• Uma criança feliz aprende mais.
• A criança feliz distingue prioridades.
• A criança tem consciência.
• A criança feliz sabe como desenvolver a sua vida.

LINK PARA ESSE POST
(Abra e compartilhe essa postagem com amigos) 

22/Set/2019

Demonstre respeito pelo esforço que a criança faz


Quando você respeita o esforço da criança, ela será encorajada a realizar a tarefa sozinha. 

Referência: FABER, A. ; MAZLISH, E. Como falar para seu filho ouvir e como ouvir para seu filho falar. 3 ed. São Paulo: Summus, 2003.

LINK PARA ESSE POST
(Abra e compartilhe essa postagem com amigos) 

     

18/Set/2019

Setembro Amarelo - A favor da valorização da vida

No mês de Setembro, mês de Campanha ao combate ao suicídio, temos que aproveitar e nos conscientizar sobre dados importantes compartilhados pela Organização Mundial da Saúde.
ATENÇÃO: O autoextermínio já é a segunda causa de morte entre jovens de 15 a 29 anos.

Muitos suicídios ocorrem impulsivamente durante tempos de crise que minam a capacidade de enfrentar as tensões da vida, como problemas financeiros, quebra de relacionamentos ou dor e doença crônica.

Além disso, experiências relacionadas a conflitos, desastres, violência, abuso, perdas e sentimentos de isolamento estão intimamente ligadas ao comportamento suicida.

As taxas de suicídio também são altas entre grupos vulneráveis sujeitos a discriminação, por exemplo, refugiados, e migrantes, comunidades indígenas, pessoas lésbicas, gays, bissexuais, transgêneros, intersexuais e presos.

(Fonte: Organização Mundial de Saúde) 

LINK PARA ESSE POST
(Abra e compartilhe essa postagem com amigos) 

14/Set/2019

Psicoterapia

A Psicoterapia pode trazer muitíssimos benefícios, como:

• Aumento do autoestima
• Segurança nas decisões
• Desenvolvimento pessoal
• Autoconhecimento
• Autonomia
• Motivação
• Tolerância à frustração
• Superação de conflitos internos e superação de traumas e abusos.

Esse espaço poderá ajudar o paciente a compreender seus limites, potencialidades, ações e atitudes.

Além de possibilitar a mudança de padrões de comportamento inapropriados que dificultam o processo de desenvolvimento. 

LINK PARA ESSE POST
(Abra e compartilhe essa postagem com amigos) 

13/Set/2019

Suicídio na Adolescência e os possíveis sinais de alerta

Existem alguns sinais de alerta que precisamos estar atentos no cuidado com nossos adolescentes.
Você conhece os sinais de alerta?
Conhecendo esses sinais você poderá ajudar algum adolescente, procurando apoio adequado, no momento ainda oportuno.

Sinais de alerta:
• “Falar sobre querer morrer”
• “Não ter propósito”
• “Se sentir um peso para os outros”
• “Estar se sentindo preso ou sob dor insuportável”
• “Procurar formas de se matar”
• “Usar mais álcool ou drogas”
• “Agir de modo ansioso, agitado ou irresponsável”
• “Dormir muito ou pouco”
• “Demonstrar raiva ou falar sobre vingança”
“• Ter alterações de humor extremas”

Não hesite, procure ajuda especializada !!!

LINK PARA ESSE POST
(Abra e compartilhe essa postagem com amigos) 

12/Set/2019

Suicídio na adolescência - Você conhece alguns fatores de risco?

Aproveitando o tema de Campanha do mês – Setembro Amarelo, vamos ver alguns fatores que podem potencializar o risco de tentativa de suicídio na adolescência.

Segue abaixo os principais fatores de risco:
• Transtorno de humor
• Abuso ou dependência de substância;
• Separação dos pais;
• Transtornos psíquicos dos pais (depressão, abuso de substâncias);
• Abuso sexual na infância;
• Violência sofrida ou praticada;
• Suicídio na família;
• Evasão escolar
• Tentativa de suicídio anterior (Segundo Ladame et al – 2002)

Portanto, precisamos estar atentos e procurar ajuda especializada !!! 

LINK PARA ESSE POST
(Abra e compartilhe essa postagem com amigos) 

11/Set/2019

"Ser Psicólogo"

De repente…
Um olhar em declínio
A voz embargada
As mãos trêmulas
Um movimento hesitante
Alguém chega até nós…

E finalmente algumas poucas palavras traduzem um pedido: “Preciso de ajuda”. Somos então apresentados à dor, ao sofrimento, ao amor, enfim à vida de alguém…que nos confia sua história, e com uma única e talvez única esperança é capaz de acreditar que encontrou um lugar onde possa se permitir SER.
Aos poucos vamos chegando ao fundo de um mundo submerso, e em meio a destroços encontramos
o ouro até então oculto, e é com grande satisfação que dizemos: “Pegue, isso tudo pertence a você”. Surge então um olhar surpreso
Um sorriso acanhado…
Alguém que mostra certo espanto ao ser descoberto…
e a emoção se faz presente.

A ARTE DE SE FAZER CONHECER.
É MÁGICO PROPORCIONAR ESTA POSSIBILIDADE A ALGUÉM!

PARABÉNS a todos que fazem de sua profissão uma satisfação em suas vidas. Parabéns a todos !!!

LINK PARA ESSE POST
(Abra e compartilhe essa postagem com amigos) 

10/Set/2019

Permita que seu filho faça suas próprias escolhas.


Essas escolhas dão a criança uma prática importante em tomar decisões.
A Construção da autonomia nas crianças é importante na formação de um indivíduo.

Referência: FABER, A. ; MAZLISH, E. Como falar para seu filho ouvir e como ouvir para seu filho falar. 3 ed. São Paulo: Summus, 2003.

LINK PARA ESSE POST
(Abra e compartilhe essa postagem com amigos) 

     

04/Set/2019

Entre em contato

Rua José dos Reis, 719 Sala 10 (2º andar) Vila Prudente - São Paulo - CEP 03139-040
Celular / Whatsapp:  11. 98959-1949
contato@walkyriadrozd.com.br

Psicóloga CRP 06 / 766639

Visite nossas redes sociais:

Entre em contato

Rua José dos Reis, 719
Sala 10 (2º andar)
Vila Prudente - São Paulo

Especializada em psicopatologia, psicofarmacologia e saúde mental, educadora e mediadora de P.E.I. Programa de Enriquecimento Instrumental - Reuven Feuerstein. Metodologia Israelense psicoterapia psicanalítica, avaliação psicológia infantil e orientação cocacional de crianças, adolescentes e adultos

Psicóloga Walkyria Drozd